13 setembro 2010

A morte é apenas uma outra fase...

Se eu morrer antes de você,
faça-me um favor:
Chore o quanto quiser,
mas não brigue com Deus
por Ele haver me levado.
Se não quiser chorar, não chore.
Se não conseguir chorar,
não se preocupe.
Se tiver vontade de rir, ria.
Se alguns amigos contarem
algum fato a meu respeito,
ouça e acrescente sua versão.
Se me elogiarem demais, corrija o exagero.
Se me criticarem demais, defenda-me.
Se me quiserem fazer um santo,
só porque morri,
mostre que eu tinha um pouco de santo,
mas estava longe
de ser o santo que me pintam.
Se me quiserem fazer um demônio,
mostre que eu talvez tivesse um pouco
de demônio, mas que a vida
inteira eu tentei ser bom e amigo.
Espero estar com Ele o suficiente para
continuar sendo útil a você, lá onde estiver.
E se tiver vontade de escrever
alguma coisa sobre mim,
diga apenas uma frase:
- "Foi meu amigo,
acreditou em mim
e me quis mais perto de Deus!"
- Aí, então, derrame uma lágrima.
Eu não estarei presente para enxugá-la,
mas não faz mal.
Outros amigos farão isso no meu lugar.
E, vendo-me bem substituído,
irei cuidar de minha nova tarefa no céu.
Mas, de vez em quando,
dê uma espiadinha na direção de Deus.
Você não me verá, mas eu ficaria muito feliz
vendo você olhar para Ele.
E, quando chegar a sua vez de ir para o Pai,
aí, sem nenhum véu a separar a gente,
vamos viver, em Deus,
a amizade que aqui nos preparou para Ele.
Você acredita nessas coisas?
Então ore para que nós vivamos
como quem sabe que vai morrer um dia,
e que morramos como
quem soube viver direito.
Amizade só faz sentido se traz o céu
para mais perto da gente,
e se inaugura aqui mesmo o seu começo.
Mas, se eu morrer antes de você,
acho que não vou estranhar o céu...
"Ser seu amigo...
já é um pedaço dele... Chico Xavier
Como avisei, estou em luto pela morte da minha avó. Ela faleceu no dia 27/08/10. Agora, peço licensa, e presto uma homenagem à ela, aqui no Gothicbox, pegando emprestadas as palavras certas de Chico Xavier. Mas, não quero falar da morte e sim da vida, e um pouco do que ela deixou em mim. É estranho, e não sei se o que digo aqui vai encontrar ecos em outras amigas (os) on line, mas se tem uma coisa que eu gostava de ter eram meus avós. Infelizmente, só pude curtir mais os momentos com a minha avó materna, pois os outros morreram mais jovens. Na maioria das vezes ela fazia o que eu queria, havia nela, aquela indulgência natural de vó em perdoar e ir contra os pais. Ela dizia que adorava mais ser avó, do que mãe. Nunca dizia estar cansada para o fogão, se os netos pediam algum doce ou alguma delícia que só ela sabia fazer. Só de me olhar, sabia extamente se eu estava triste ou feliz, parecia até que via através de mim. Era vaidosa a vózinha, e isso eu herdei dela, ao contrário de minha mãe. Sempre me perguntava: - Quando é que você vai casar? E ultimamente: - Quando é que você vai me dar bisnetos? Nessa hora, minha avó sabia ser irritante, me tirava do sério e a gente até discutia! Infelizmente, ela se foi sem ver bisnetos da minha parte. Felizmente, teve e viu bisnetos (as) de irmãos mais velhos e primos (as). Eu tenho certeza que a jornada dela apenas passa a outra fase, e, ela de vez em quando virá nos visitar. Mas a jornada aqui na terra ela viveu plenamente, nos seus 84 anos de vida, e ela foi incluída em praticamente todos os eventos que podia estar! Nunca excluímos nossa avó, e é isso que fica como lição de vida prá mim.
Share:

8 comentários:

  1. Simplesmente lindo e encantador , passei para retribuir a visita e agradecer a parceria e dizer que admiro muito seu blogger e seu trabalho bjs

    ResponderExcluir
  2. Claudynha, amei o texto, como não poderia ser diferente para mim. Eu não tive o prazer de conviver e quase nem ver meus avós. Então sinta-se previlegiada e muito pelo presente que Deus lhe deu até o momento. Envelhecer tem muitos preços, mas acho que um dos mais altos é cada vez mais presenciarmos pessoas queridas partindo em nossa frente, mas sabe para que? Para te receber com um baita sorriso e com um abraço apertado lá! Beijo

    ResponderExcluir
  3. querida, saudades suas... sei que nada ameniza uma dor assim, mas abraços para ti e força.

    welcome back...

    http://terza-rima.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Quem amamos nunca nos deixa, pois as memorias são imortais.

    Força aí, viu!

    http://terza-rima.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Meus sentimentos :/

    Tem selinho pra você no meu blog:

    http://culturefreake.blogspot.com/2010/09/selo.html

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá Claudya...

    Lamento a perda,de verdade,pois poucas perdas na vida são bem vindas,e ,a morte,está longe de ser uma dessas...

    No entanto,presenças fortes e sinceras nunca esvanecem,e é precioso esse conforto.

    Lindas palavras
    Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Obrigada Rívia, a cada dia que passa me convenço mais que a vida não acaba aqui no mundo terreno. bjs

    ResponderExcluir
  8. Realmente lindo e expressa a nobreza da sua linda alma , Sem comentários maravilhoso e pode-se ver que vem do mais profundo amago, voce é uma pessoa maravilhosa e resplandecente Claudya uma alma rara nos dias de hoje e um prazer fazer parte da sua vida mesmo que virtualmente sensacional sua pessoa e seu blogger bjs sinceros nobre alma

    ResponderExcluir

Comente sobre o post, discorde, opine, mas sem insultos! Comentário fora do assunto do post será removido.
Sobre parceria: deixe recado na page Linkbutton por favor.

Comment about the post only, take your opinion, but without insult! Comments off the category will be deleted.
Partner: leave a message at Linkbutton page please.

Text Widget

Gostou, então linke

Copie links, e não posts. Plágio é crime (art. 184 do CP). Citar ou linkar é cool, plagiar ou copiar não. Lembre-se, quanto mais você linka, mais os outros te linkam!
Estamos todos na sarjeta,
mas, alguns de nós olham as estrelas
(Oscar Wilde*)
Join Our Newsletter

*Assine o GB e leia no seu e-mail!*

We Respect Your Privacy"

Arquivo do blog